25.3.10

INDIELISBOA

Leio no Público que o IndieLisboa deste ano é aquele em que há mais cinema português. Apesar da crise, e do manifesto assinado por cineastas e produtores muito recentemente, o facto de João Salaviza ter ganho o prémio do ano passado - e logo a seguir a Palma de Ouro em Cannes - pode ter sido um grande impulso, como o fora a presença de Edgar Pêra na edição de 2006.

O IndieLisboa vai decorrer de 22 de Abril a 2 de Maio. Retiro do Público os nomes dos filmes de competição: Fantasia Lusitana, de João Canijo (olhar sobre Portugal a partir de material de arquivo), Pelas sombras, de Catarina Mourão (documentário sobre a artista plástica Lourdes Castro), Traces of a diary, de Marco Martins e André Príncipe, Sem companhia além do medo, de João Trabulo (prisão masculina de Penafiel), e Guerra civil, de Pedro Caldas. Há também 14 curtas.

Sem comentários: