21.12.10

HISTÓRIA DO PROGRAMA CONTRA-INFORMAÇÃO

No número mais recente da "Pública", revista de domingo do jornal Público, escrevia Rui Cardoso Martins sobre a história do programa Contra-Informação, encerrado há pouco tempo, como escrevi aqui. Rui Cardoso Martins, autor dos textos do programa a par de José de Pina e Filipe Homem Fonseca, este na última década, recorda o começo de 1996, quando chegaram os bonecos de Arnold Schwarzenegger e Luciano Pavarotti, oriundos da fábrica de Roger Law, criador do Spitting Image, o programa de marionetas políticas da BBC, e que tinham passado pelas mãos do caricaturista e escultor Pablo Bach. Os bonecos portugueses tinham fracassado na SIC, mas a direcção da RTP, então composta por Joaquim Furtado e Joaquim Vieira, conversaram com Mafalda Mendes de Almeida, da produtora Mandala, e com Nuno Artur Silva, futuro director das então ainda inexistentes Produções Fictícias, para fazer o programa. De permeio, os dirigentes da RTP haviam falado com o saudoso Fernando Balsinha, que conhecera em Bruxelas Les Guignols de l'Info, a versão francesa do programa.

Os bonecos de látex tinham um nome inventado mas reflectindo ao máximo as características físicas e psicológicas do modelo de carne e osso. Assim, nasceriam o professor Martelo, Tonecas Guterres, Marques Pentes, Santana Flopes, Acabado da Silva (agora Regressado da Silva), Manuel Triste, Mário Só Ares, José Trocas-te, Cassete Cunhal, António Champôlimão, Manuela Azeda o Leite, major Valentão, Bimbo da Costa (F.C.Porto), com o seu cão Bóbi e o seu gato Tareco, João Vale Tudo (Benfica), Fífias da Cunha (Sporting). Regra número um dos escritores do programa: independência do poder político, económico e futebolístico.

Pouco a pouco, continua Rui Cardoso Martins, deixou de haver um dia e uma hora precisos para passar o programa, sem promoção, mudando a meio da semana a hora de realização e de montagem. Quando não houve autorização para fazer o boneco de Pedro Passos Coelho, foi lembrado transformar o boneco de José Trocas-te pelo de Pedro Troca os Passos, mas os autores do programa desconfiavam já que o Contra estava a chegar ao fim. O que veio a acontecer, afinal.

Sem comentários: