Interrupção

O blogue tem sido muito pouco atualizado. O trabalho de investigação e outros motivos obrigam a uma concentração de esforços num só sentido. Obrigado pela preferência manifestada desde 2003.

6.3.13

Sempre no Ar, Sempre Consigo

24.8.1963Em 1963, o Rádio Clube Português iniciava um novo ciclo, com a emissão contínua em ondas médias (e curtas) e uma programação autónoma de FM. Assim, no jornal O Século lia-se que, “A partir de hoje, o Rádio Clube Português passa a trabalhar sem interrupção, através dos seus emissores de onda média e onda curta, da Parede, o que constitui caso único no nosso País, e pouco vulgar no estrangeiro” (24 de agosto de 1963) [o recorte, ao lado, pertence ao Diário de Lisboa, do mesmo dia]. A inclusão de um serviço noticiário às 4:45 era outra nota de dinamismo na estação.

Olhando a programação inserida em O Século (4 de setembro de 1963), surgia a indicação de Programas Diversos. Na realidade, o programa chamava-se Sintonia 63. Para dar conta dessas efemérides, a Universidade Católica organiza um colóquio, Sempre no Ar, Sempre Consigo, no próximo dia 23 de abril, aberto a todos os interessados. Sempre no Ar, Sempre Consigo foi a marca (slogan) da estação a partir dessa altura.
  Sempre No Ar, Sempre Consigo (versão 3)