Interrupção

O blogue tem sido muito pouco atualizado. O trabalho de investigação e outros motivos obrigam a uma concentração de esforços num só sentido. Obrigado pela preferência manifestada desde 2003.

7.5.14

Falar, ver e fazer fotografia

22 de Maio, às 19:30. Centro de Arte Manuel de Brito, Palácio Anjos, em Algés. Nesta primeira sessão de um novo ciclo dedicado à fotografia, o fotógrafo Alexandre Almeida apresenta o seu trabalho e conversa com o público. Entrada livre.


Alexandre Almeida nasceu em Lisboa em 1969, tendo logo passado a viver em Algés. Estudou fotografia na Academia de Artes & Tecnologias e pós-produção de vídeo na Restart. De 1994 a 2004 trabalhou no Independente, onde editou os suplementos de cultura e lazer. Em 2001 foi convidado pela Câmara Municipal de Oeiras a realizar um trabalho documental sobre o fim dos bairros degradados no concelho, do que resultou um livro – De Partida. Tem publicado em jornais e revistas nacionais e estrangeiras, como L’Express, Libération, The Guardian, Courrier Internacional, Grande Reportagem, Up, Visão, Única e Pública. Paralelamente foi desenvolvendo actividade na área da formação, tendo sido coordenador e formador em duas masterclasses, para o Festival Entre Margens, e tem, igualmente, colaborado com o Instituto Português de Fotografia. Tem exposto em mostras individuais e colectivas, nomeadamente fazendo parte de diversos projectos da Kameraphoto, da qual é membro fundador. Destes destacam-se “State of Affairs” e “Um Diário da República”. E integra o grupo de fotógrafos representados pela Dear Sir - Agência de Fotografia de Autor. Já plantou uma árvore, editou um livro e tem duas filhas. Ver em www.kameraphoto.com e www.dearsir-agency.com.

Sem comentários: