7.3.15

A queda do MySpace contada por um dos seus protagonistas

Em 2015, Sean Percival trabalha num acelerador de 500 empresas que estão a iniciar-se (Startup). Mas, entre 2009 e 2011, ele trabalhou no MySpace como vice-presidente de marketing on-line – no momento em que a rede social Facebook ultrapassou o MySpace. Em discurso na conferência By:Larm em Oslo, esta semana, Percival deu a sua visão do que correu mal no MySpace, a partir da “enorme bagunça” do seu sítio de internet e da “política de ganância” da empresa-mãe News Corporation, após uma tentativa de adquirir o serviço de streaming de música Spotify. Na sua conversa, ele alertou as outras grandes empresas de redes sociais, como o Facebook, para as lições retiradas do declínio do MySpace, de modo a evitar um destino semelhante (a partir de notícia no The Guardian).

Sem comentários: