Interrupção

O blogue tem sido muito pouco atualizado. O trabalho de investigação e outros motivos obrigam a uma concentração de esforços num só sentido. Obrigado pela preferência manifestada desde 2003.

17.7.15

Prémio Nacional Indústrias Criativas

Retiro diretamente da fonte (Ver Portugal Online):

"Miss Can, a startup que vende portugalidade em latas de conserva de peixe, é a grande vencedora da sétima edição do Prémio Nacional Indústrias Criativas Super Bock/Serralves (PNIC). Este ano, o júri do concurso atribuiu ainda as Distinções de Categoria a Os Italianos (ex-Stallo) e Arumis e uma Menção Especial ao projeto Cross Hands Architecture, pela sua componente humanitária. O vencedor recebeu o galardão das mãos de João Abecasis, presidente executivo da Unicer, e de Luís Braga da Cruz, presidente da Fundação de Serralves. A entrega das restantes distinções esteve a cargo de representantes da Universidade do Porto, ANJE e Escola das Artes da Universidade Católica do Porto, respetivamente, Clara Gonçalves, Rafael Rocha e Luís Teixeira. "Miss Can", integrada na categoria Turismo e Património, nasceu da vontade de três amigos em recuperar a tradição familiar ligada à indústria conserveira, criando um negócio moderno com a dedicação de outros tempos. Estas conservas 100 por cento portuguesas - sardinha, cavala e atum - utilizam um método artesanal (peixe cozido a vapor) e encontram-se em packs atuais e muito apelativos, nos quais se encontra a história desta indústria, curiosidades históricas de acordo com cada tema e sugestões de receitas. Os promotores deste projeto vão representar Portugal no evento internacional Creative Business Cup, que se irá realizar a 17 e 18 de novembro em Copenhaga (Dinamarca)".


Sem comentários: