6.3.16

Diário de Notícias fora da avenida da Liberdade

O presidente Óscar Carmona inaugurara o edifício-sede do Diário de Notícias, na avenida da Liberdade, 266, a 24 de abril de 1940. Na fotografia da inauguração, ao lado de Carmona viam-se o arquiteto Pardal Monteiro e o diretor do jornal Augusto de Castro. Para trás, era deixada a velha redação no Bairro Alto, na atual rua do Diário de Notícias.


75 anos depois, começaram a circular informações, indicando que o Diário de Notícias deixaria a sua sede, por razões financeiras. 20 a 25 milhões de euros é o valor estimado na transação. Futuro do edifício, com um prémio Valmor: hotel de referência na cidade (uma linha semelhante à recente aquisição do edifício da Rádio Renascença). No caso da até agora sede do jornal, não pode haver alterações à fachada do edifício. Segundo notícias vindas a público, o grupo Global Media (Diário de Notícias, Jornal de Notícias, O Jogo, várias revistas e rádio TSF) ficará em edifício junto às Torres de Lisboa, prevendo-se a mudança de pessoal para outubro deste ano.

Sem comentários: