30.5.10

PAISAGENS URBANAS (3)

1 comentário:

Anónimo disse...

" se eu não morresse nunca e eternamente buscasse/
e conseguisse a perfeição das cousas "