21.2.15

Sol de inverno

Os homens, já velhos, conversavam na paragem de autocarro na praça Bernardim Ribeiro (Torrão). Mais ao lado, outros homens bebiam cerveja. O sol estava a fugir e o vento arisco ameaçava baixar rapidamente a temperatura. Na rádio, ouvia-se ir haver um acentuado arrefecimento noturno. Por isso, as portas das casas estavam fechadas e pouca gente se via na rua. O relógio da igreja da praça marcava cinco horas da tarde.


Sem comentários: