Interrupção

O blogue tem sido muito pouco atualizado. O trabalho de investigação e outros motivos obrigam a uma concentração de esforços num só sentido. Obrigado pela preferência manifestada desde 2003.

19.4.15

A Mentira nos Artistas Unidos

Com texto e encenação de João Pedro Mamede, a peça II - A Mentira assenta na trilogia de romances de Agota Kristof, com alguma repetição de temas, como se fossem novos ângulos a olhá-los. Ausente da cidade há muito tempo, um irmão procura o outro gémeo. Um apareceu, o outro desapareceu. O intelectual, a polícia secreta, a prostituta, a senhoria que aluga um quarto, a livraria, o padre. A peça mostra em excesso o explícito - o nu, a violência do (e sobre o) corpo, a linguagem cruel. Não gostei nada. Depois disto, o que se pode esperar mais dos actores?

Sem comentários: