Interrupção

O blogue tem sido muito pouco atualizado. O trabalho de investigação e outros motivos obrigam a uma concentração de esforços num só sentido. Obrigado pela preferência manifestada desde 2003.

18.4.15

Sebastião Salgado



A chuva pareceu ameaçar a entrada na exposição, longa que estava a fila. Dentro, um deslumbramento fotográfico do brasileiro que expõe na Cordoaria Nacional. Movimento de massas, as suas imagens levam-nos a cinco grandes temas com paisagens do sul do planeta, África, santuários, terras do norte, Amazónia e Pantanal, mostrando a vida animal, tribos humanas em desaparecimento rápido e a natureza (floresta e rochas). Por vezes, os olhares são dramáticos, pungentes, mas igualmente magestáticos, vencedores, gregários ou individuais. Outras vezes, no caso das culturas humanas, há gestos, adornos e pinturas que nos espantam pela diversidade, riqueza e ostentação dentro do grupo. Iniciação, procura de alimento ou festa - eis o programa das 245 fotografias da exposição Génesis, de Sebastião Salgado. Subjacente, a sua carta de amor ao mundo, através do Instituto Terra, com um forte apelo à reflorestação e à paragem da devastação do planeta.

Sem comentários: