31.3.15

A nova vida do lançamento de discos

O artigo assinado por Vítor Belanciano no Público de hoje, sobre a planificação da edição de discos, merece ser lido com reflexão. Segundo o jornalista, mais "do que planificar com antecedência o lançamento de discos, o que as editoras e artistas fazem hoje é reagir aos acontecimentos, principalmente quando eles vão parar à internet ilegalmente".

Dantes, cada editora preparava com pormenor o lançamento de um disco. A internet interrompeu esse modelo. Agora, como aconteceu recentemente com discos de Madonna e Björk, a edição digital pirateada antecedeu a edição legal. E os Blur revelaram a semana passada no Youtube as canções de disco a lançar no final de Abril. Conclui o jornalista que, mais do que o lançamento do disco, o que agora desperta a atenção é o modo como o disco surge no mercado. À estratégia planificada sucedem condições não previstas antes por músicos e editoras, uma espécie de caos lançado por ataques informáticos - que actuam noutras áreas como a política (CIA, Casa Branca) e o cinema (Sony Pictures).

Sem comentários: